Home | Agenda Portal | Admin | Cidades | Guia Comercial | Tecnologia | Webmail               

 


Seu IP: 100.24.46.10

Anúncie no Portal Mogi Mirim

Anúncie no Guia Comercial ou no Portal Mogi Mirim

Anúncie no Portal Mogi Mirim

Desenvolvimento de Sistemas e Sistes


Publicidade

Assim que esta


11-09-2018

Mais da metade dos brasileiros não tem diploma do ensino médio, aponta OCDE

Estudo divulgado nesta terça-feira (11) pela instituição mostra que 52% das pessoas com idade entre 25 e 64 anos não concluíram o ensino médio 

O Brasil é um dos países com o maior número de pessoas sem diploma do ensino médio: mais da metade dos adultos (52%) com idade entre 25 e 64 anos não atingiram esse nível de formação, segundo o estudo Um Olhar sobre a Educação, divulgado nesta terça-feira pela OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico).

A organização, com sede em Paris, destaca que o menor nível de escolaridade tende a ser associado com a maior desigualdade de renda.

No caso do Brasil, o país registra o segundo maior nível de desigualdade de renda entre os 46 países do estudo, ficando atrás apenas da Costa Rica.

O índice de pessoas que não cursaram o ensino médio no Brasil representa mais do que o dobro da média da OCDE. Na Costa Rica e no México, o percentual é ainda maior que o do Brasil: 60% e 62%, respectivamente, os mais elevados do estudo.

Outros países latinoamericanos, contudo, têm melhor desempenho que o Brasil. Na Argentina, 39% dos adultos na faixa de 25 a 64 anos não concluíram o ensino médio, no Chile, o percentual é de 35% e, na Colômbia, de 46%.

O estudo abrange as 36 economias da OCDE, a maioria desenvolvidas, e dez países parceiros da organização, como África do Sul, Argentina, China, Colômbia, Índia, Rússia e Brasil.

"Na maioria dos países da OCDE, a ampla maioria dos jovens adultos, com idade entre 25 e 34, tem pelo menos a qualificação do ensino médio. Em poucas décadas, o ensino médio passou de um veículo de ascensão social ao mínimo exigido para a vida em uma sociedade moderna", afirma o relatório.

Segundo a organização, os que deixam a escola antes de completar o ensino médio enfrentam não apenas dificuldades no mercado de trabalho, com menores salários, mas também têm competências cognitivas - memória, habilidades motoras, atenção, entre outras - bem inferiores aos das pessoas que possuem essa formação.

A organização também ressalta o número relativamente baixo de alunos com mais de 14 anos de idade inscritos em instituições de ensino no Brasil.

Apenas 69% daqueles entre 15 e 19 anos e somente 29% dos jovens de 20 a 24 anos estão matriculados, de acordo com a OCDE. A média nos países da organização é, respectivamente, de 85% e 42%.

Desigualdades regionais

O Brasil enfrenta ainda "desigualdades regionais significativas" em relação ao ensino superior, diz o relatório.

 

No Distrito Federal, 33% dos jovens adultos chegam à universidade. No Maranhão, o Estado com o menor PIB per capita, esse número é de apenas 8%.

Essa disparidade regional entre alunos que conseguem atingir o ensino superior no Brasil "é, de longe, a maior na comparação com toda a OCDE e países parceiros", incluindo grandes países como os Estados Unidos e a Rússia, que também possuem várias áreas de diferentes tamanhos e populações.

"Assegurar que as pessoas tenham oportunidade de atingir níveis adequados de educação é um desafio crítico. O acesso ao ensino superior vem crescendo no Brasil, mas ainda é uma das taxas mais baixas entre a OCDE e países parceiros, e está abaixo de todos os outros países da América Latina com dados disponíveis", ressalta o estudo, citando a Argentina, Chile, Colômbia, Costa Rica e México.

No Brasil, 17% dos jovens adultos com idade entre 24 e 34 anos atingem o ensino superior. Em 2007, o índice era de 10%. Apesar da melhora, o desempenho ainda está cerca de 27 pontos percentuais abaixo da média da OCDE.

"Para melhorar a transição entre o ensino e o mercado de trabalho, independentemente do cenário econômico, os sistemas de educação têm de se assegurar que as pessoas tenham as competências exigidas na vida profissional", diz a organização.

Segundo a OCDE, apesar do Brasil investir uma fatia importante de seu PIB na Educação, os gastos por aluno, sobretudo no ensino básico, são baixos.

O Brasil destina cerca de 5% do PIB à rubrica (dados de 2015), acima da média de 4,5% do PIB dos países da OCDE, diz o relatório.

O governo brasileiro gasta, porém, cerca de US$ 3,8 mil por estudante no ensino fundamental e médio, menos da metade dos países da OCDE.

A despesa com os estudantes de instituições públicas, no entanto, é quatro vezes maior, US$ 14, 3 mil, pouco abaixo da média da OCDE, que é de US$ 15,7 mil.

A diferença de gastos por estudante entre o ensino superior e o básico no Brasil é o maior entre todos os países da OCDE e economias parceiras analisadas no estudo da organização.

 


Esta matéria possui 83 visita(s)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 Deixar um Comentário

bar02_dot1x1_black.gif

 

 

 

 

 

 

 

 

Portal

 

Politica

 

Paises

 

Sem Noção

Saiba mais sobre as vestimentas do papa

 

Ministro da Fazenda de Lula e Dilma, Guido Mantega é alvo de operação da PF

 

Após execução de brasileiro, Indonésia pede respeito às leis; embaixador do Brasil deixa país

 

Delegado diz que mulher confessou ter matado criança em Praia Grande

Saiba mais sobre as vestimentas do papa...

 

Ministro da Fazenda de Lula e Dilma, Guido Mantega...

 

Após execução de brasileiro, Indonésia pede respei...

 

Delegado diz que mulher confessou ter matado crian...


Esta notícia ja foi vista por 451 vez(es)

 

Esta notícia ja foi vista por 134 vez(es)

 

 

Esta notícia ja foi vista por 242 vez(es)

 

 

Esta notícia ja foi vista por 837 vez(es)

 

 

 

 

Vale Tudo

 

Tv

 

Formula1

 

Vale Tudo

Ferguson finaliza Lee, é campeão interino dos leves

 

Kadu Moliterno volta à TV no Vai que cola e fala da parceria profissional com namorada fisiculturista: Já é um casamento

 

Massa atribui nono lugar em Yeongam a incidente na primeira volta

 

?Clone de Anderson? nocauteia em 10s nos EUA e internautas falam em luta armada; assista

Ferguson finaliza Lee, é campeão interino dos leve...

 

Kadu Moliterno volta à TV no Vai que cola e fala d...

 

Massa atribui nono lugar em Yeongam a incidente na...

 

?Clone de Anderson? nocauteia em 10s nos EUA e int...


Esta notícia ja foi vista por 100 vez(es)

 

Esta notícia ja foi vista por 437 vez(es)

 

 

Esta notícia ja foi vista por 817 vez(es)

 

 

Esta notícia ja foi vista por 447 vez(es)

 

 

 

 

 

Sem título













 

 

 

 

Empresa

 

Admin

Webmail

Sobre

 

Últimos Comentários

Rcorp Data Center

 Portal Mogi Mirim Tecnologia

Acesse sua Conta 

Outros Interessantes

 

IPMET(Boletim do Tempo)

Trafego Aéreo

 

Últimas Notícias






Sites

 

A Casa Do Frete

Amigos Da Rede

Aquaponia Renaldo Ramos

Estiva Gerbi

Eu Penso Assim

Portal Aguai

Portal Eg

Portal Estiva Gerbi

Portal Holambra

Portal Mogi Mirim

Portal São João Da Boa Vista

Rcorp Data Center

Santuário Rosa Mistica

Secasa Gerenciamento Imobiliario

Serviços De Ti

 

 

 

 


Sem título

Portal Mogi Mirim

Notícias, Informação E Entreterimento

 

19 9 8870-2956 Whatsapp

 

Desenvolvido por Rcorp Data Center © 2019 - Área restrita

Comercial